Previous Contents Next


9. Gerenciamento de arquivos

O UNIX armazena toda informação em arquivos no disco rígido. Os arquivos no UNIX possuem diferentes tipos: arquivo texto, diretório, executável, etc. Estes arquivos têm nome, nome do proprietário, respectivo grupo a que pertence, permissões de manipulação, tamanho e data da última modificação. Através do comando 'ls -laF' obtemos as informações sobre os arquivos da pasta atual. A figura 2 ilustra o resultado do comando 'ls -laF'.


Figura 2: Saída do comando 'ls -laF'.




Para facilitar o gerenciamento de arquivos, o UNIX utiliza um sistema de diretórios com nomes particulares, cada qual pode conter arquivos e subdiretórios próprios. Os diretórios do UNIX apresentam uma hierarquia representada na forma de uma árvore invertida, como ilustrado na figura 3.


Figura 3: Organização dos diretórios no UNIX.




O diretório base do UNIX é chamado de root, sendo representado pelo símbolo '/'. Abaixo do diretório root, o UNIX cria diversos subdiretórios com objetivos específicos, a seguir são listados os diretórios mais importantes:

/

diretório raíz, root.

/etc

contém arquivos de configuração do sistema.

/bin

contém os principais executáveis do sistema (binários).

/usr

contém os programas instalados, aplicativos, documentação do sistema e dos programas.

/dev

contém informações sobre todos os dispositivos (devices) do sistema.

/home

contém os diretórios de usuários.

/lib

contém as bibliotecas do sistema.

/tmp

contém todos os arquivos temporários.

/var

contém os arquivos de informação variável, que são alterados com freqüência.

/sbin

arquivos de sistema essenciais.

/boot

contém arquivos de boot ou inicialização.

/lost+found

arquivos recuperados.

/mnt

diretório de acesso aos drives, ponto de montagem de partição temporária.

Os principais comandos para manipulação dos arquivos, podem ser observados no item Comandos.


Previous Contents Next